Notícias Notícias

Primeiro Sarau Literário do TRT/MS será realizado no dia 19/3

Pensando em estimular o interesse literário e o pensamento crítico e fomentar o raciocínio abstrato, o TRT da 24ª Região criou a "Confraria dos Beletristas", projeto de cunho lúdico-literário que funcionará junto à Escola Judicial, promovendo encontros mensais para discutir grandes clássicos da literatura. Uma vez por mês, será promovido um sarau literário conduzido por um futuro confrade ou confreira, que vai expor uma obra literária e promover um debate sobre o assunto.

O convidado de honra para o primeiro Sarau Literário da Confraria dos Beletristas será o Presidente do TRT24, desembargador Amaury Rodrigues Pinto Junior, que fará a análise da obra "A Ira dos Anjos", de Sidney Sheldon, no dia 19 de março, às 15 horas. Um exemplar está disponível na Biblioteca do Tribunal.

O magistrado conta que já leu a obra várias vezes e que foi um dos livros que o influenciou para a carreira jurídica. "A gente fica torcendo pela heroína Jeniffer Parker, uma advogada que sofre reveses no início da carreira, os supera e vive conflitos íntimos. Todos que se dedicarem à leitura vão gostar muito, porque é uma leitura fácil e agradável que traz uma mensagem muito bacana de superação", convida o des. Amaury à leitura da obra.

Como participar?

Podem participar como expositor ou participante do Sarau Literário magistrados, servidores e estagiários do TRT24 e de outros regionais, além de público externo ao tribunal como advogados, acadêmicos e quem mais tiver interesse na troca de conhecimento. Clique aqui para se inscrever como participante do 1º Sarau Literário da Confraria dos Beletristas.

Quem tiver interesse em ser um expositor deve preencher um formulário online indicando a obra que gostaria de expor. Os livros inscritos no projeto serão escolhidos pelo Conselho Executivo da EJUD, por votação. Clique aqui para se inscrever como expositor.

A eleição do expositor e respectiva obra a ser apresentada, bem como a divulgação de tais informações ao público, deverão ocorrer com antecedência mínima de 25 dias para que todos tenham tempo de ler o livro do mês. A participação, com aproveitamento, nos saraus literários, constitui atividade de formação continuada para o cômputo de horas-aula de que trata o art. 3º, caput da Resolução n.º 9, de 15 de dezembro de 2011, da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho - ENAMAT.

Confraria dos Beletristas

Os encontros serão realizados, em um primeiro momento, por meio telepresencial com duração máxima de duas horas e transmitidos ao vivo pelo canal do YouTube da Escola Judicial do TRT da 24ª Região (clique aqui para acessar).  

"A nossa confraria pretende sair da discussão só jurídica e nos dar a oportunidade de ampliar os debates para questões culturais. Além de ser um momento de lazer, porque um bom livro nos proporciona emoção e prazer, e claro, de confraternização. Eu tenho certeza de que nós perceberemos que desse encontro outras riquezas de vida nós vamos encontrar", garantiu o desembargador Nery Sá e Silva de Azambuja, diretor da Escola Judicial.